TESOURO

TESOURO

Todo o meu ser plana
Agora neste instante
Qual um gigante
Em plena liberdade
Vai voejando por sobre
Vales e montes
Vôo sublime em dimensão
De eternidade
Abrangendo ideal nunca previsto
Almejando crescimento inesperado
Compreendendo o roteiro de Cristo
Rumo ao futuro
E liberto do passado
E  da cruz que me prendia
À  terra densa
Fiz minha nave
Para o espaço sideral
Conquistando na eterna sapiência
Evolução horizonto-vertical

Quanta riqueza jaz escondida
Quanta beleza descubro ainda
Mas tudo aquilo
Que encontrei pelo sem fim
É incomparável ao tesouro
Dentro em mim

Carlos Gomes
São Paulo-Hospital Sírio
Libanês 27/09/93 - 18:00 h.

Siga a flecha para mudar de página.

 

Imagem: Tela Marisa Cajado

Melodia não gravada

Livro de Visitas

Clique na clave de sol