Um dos fatos que me impressiona é a ligação, destes cancioneiros, a quem me afeiçoei tanto.

Embora em épocas diferentes eles uniam-se pela  arte e pela melodia.
Ernesto Nazareth  em 1912 compôs o tango odeon e muito mais tarde, depois de  sua morte, Vinicius fêz a letra que foi gravada por Nara Leão em 1968. Isto prova a afinidade e o compromisso na área musical.

Fotos retiradas dos fascículos Musica Popular Brasileira da Abril Cultural

Atualmente continuam compondo juntos. Novo choro, letra exposta abaixo é uma composição em conjunto de Ernesto Nazareth e Vinicius de Moraes, uma das que me enviaram. Ainda não foi gravada a melodia.
 

Novo Choro

Teleco teco
Novo choro no pedaço
Quero mais e não mereço
Mais de tudo não me esqueço
Quando lembro me aborreço
Vivi a vida de boteco em boteco
Dançando teleco  teco
Sem saber de trabalhar
E agora é a vez do repeteco
Nova vida novo esquema
Novo jeito de sambar
Tempo de ouro que me deu a eternidade
Pra buscar felicidade
Que eu quero aproveitar
O boteco me deixou fraco e doente
E se quero ir pra frente
O meu corpo só reclama
E quando saio ao trabalho pra ter grana
Não quero saber da cana
Mas carcaça só quer cama
Mas mesmo assim
De triste fico contente
Estando sem botequim
Vou ficando diferente
Alma se cura num corpo doente
Minha gente é uma tortura
Que me empurra para a frente
Ernesto Nazareth e Vinicius de Moraes
       por Marisa Cajado

São José do Rio Preto - 20/01/89

                                      

Siga a flecha para mudar de página

 

Imagem: Tela Marisa Cajado

 

 

Livro de Visitas

Clique na clave de sol

 

 

©  Copyright 2002 e 2003  Marisa Cajado  -  Todos os direitos reservados*

*É expressamente proibida, por lei, a divulgação desta página em outro site ou qualquer outro modo de veiculação  sem a autorização expressa dos autores ou dos detentores de copyright do texto, das imagens,

dos arquivos de som, da formatação e dos demais elementos que compõem a página.

 

Direitos autorais protegidos pela lei 9.610/98.