BIOGRAFIA  DE JACOB DO  BANDOLIM


Nascido em 14 de fevereiro de 1918, na cidade do Rio de Janeiro, Jacob Pick Bittencourt - seu nome de batismo, teve como primeiro instrumento um violino. Achando desnecessário o arco, dedilhava
 algumas valsas usando por palheta os grampos de cabelo de sua mãe. Uma amiga desta o apresentou ao bandolim e foi tamanha identificação que depois incorporou o instrumento ao seu nome. Não teve professor - sempre foi autodidata. Em 1940 casou-se com Adylia Freitas, sendo que desta união nasceram os filhos Sérgio Freitas Bittencourt - que mais tarde se tornaria compositor, e a cirurgiã-dentista Elena Freitas Bittencourt.    
Obstinado, aprendeu teoria musical sozinho, aprofundando seus estudos durante cerca de 20 anos.

Compôs grandes sucessos, como "Vibrações", "Noites Cariocas" - este em parceria com Hermínio B. de Carvalho, "Cabuloso", "Assanhado", "Doce de Coco", "Pérolas", "Receita de Samba". Ao mesmo tempo, suas interpretações para músicas de outros compositores, como Pixinguinha e Ernesto Nazareth, tornam-se referências obrigatórias.

 

Imagem: Tela Marisa Cajado

 

Livro de Visitas

Clique na clave de sol

 

 

©  Copyright 2002 e 2003  Marisa Cajado  -  Todos os direitos reservados*

*É expressamente proibida, por lei, a divulgação desta página em outro site ou qualquer outro modo de veiculação  sem a autorização expressa dos autores ou dos detentores de copyright do texto, das imagens,

dos arquivos de som, da formatação e dos demais elementos que compõem a página.

 

Direitos autorais protegidos pela lei 9.610/98.