Nossos cancioneiros quando ainda aqui na terra deixaram marcas de força interior e  seus talentos eram inatos.
De maneira geral influenciaram e trouxeram novos rumos à música.

E é exatamente este seu objetivo atual. Dar à música a expansão além da vida, através destes contatos evidenciar horizontes mais amplos para que o homem atravesse o infinito e beba na fonte divina a arte maior e o seu encontro com amor .Fala-nos Jacob do Bandolim sobre o trabalho que deve  ser entendido além do labor comum do dia a dia, mas o trabalho no  sentido do descobrimento interior, o trabalho de auto conhecimento e  finalmente o grande trabalho de crescer interiormente limpando-se dos entraves evolutivos.

Tenho recebido vários e-mails de pessoas ligadas aos artistas, identificando o seu estilo.
Eis alguns deles:

  

 

Acessei a página Cancioneiros do Infinito e tive a grata surpresa de encontrar músicas de autoria de Jacob e Sergio Bittencourt.
Como faço parte da equipe de colaboradores do IJB ( Instituto Jacob do Bandolim), dirigido por Elena sua filha e mais 3 bandolinistas e achei a valsa “pelo teu jeito de ser”bem ao estilo de Jacob, tomei a liberdade de enviar o link para que eles tomem conhecimento.
Um dos diretores também encontrou o estilo de Jacob, mas ainda não mostrou a Elena. O site do IJB, é www.jacobdobandolim.com.br, e a nossa idéia ‘e que o IJB disponibilize um link para os cancioneiros do Infinito, citando mais esta composição. Pela presente, solicito maiores informações, tais como outras músicas de Jacob e Sergio, partituras, material do site, mids, outros arranjos inclusive os cantados, época do recebimento das músicas, nome do arranjador, enfim toda a ficha técnica, para q        eu tudo fique catalogado e referenciado no IJB, que funciona com apoio do MIS.( Museu Imagem e som) Envio cópia deste e-mail para o Alexandre Dias, pianista e pesquisador incansável de Ernesto Nazareth, pois o mesmo também está curioso em conhecer outras composições deste mestre.Parabéns pelo site. Já o adicionei aos meus favoritos e aguardo novas músicas.
Atenciosamente,
Américo Esteves Rodrigues - Brasília- DF
Américo cumpriu o que propôs. Confiram a seguir

Jacob psicografado - Ouça aqui a valsa PELO TEU JEITO DE SER, que a médium Marisa Cajado afirma ter recebido espiritualmente e que teria sido composta por Jacob, com letra de seu filho, Sergio Bittencourt.

Obs: Por se tratar de um tema delicado, o IJB não tem como confirmar, ou negar, a veracidade dessa informação.                                              Voltar

Este amigo afirmou e colocou no IJB como podem comprovar.


 

Prezada senhora,
Gostaríamos de saber como contata-la pessoalmente a fim de tratarmos de informações de caráter espiritual pois somos músicos e amigos de Jacob do bandolim e seus familiares.
Abraços
Dalton e Deo.


 

“Samba em outra cadência”, inspiração de Noel Rosa. É todo o estilo dele refletido aí, não tenho dúvida. E sua interpretação Marisa, é perfeita. Belíssima a sua voz. Opinião creio unânime, entre todos os que a conhecem.
Conforme já mencionei, sou um estudioso de médiuns. Abri uma pasta em meu computador sob o título “espiritismo”, onde vou salvando notícias e artigos sobre paranormais. Médiuns renomados do passado e do presente, como Eusápia paladino, Daniel Douglas Home, Carmine Mirabelli, Peixotinho, Yvone do Amaral Pereira, Zilda Gama. Não precisaria dizer que também seu site está na referida pasta.
Agradeço pela música enviada que ouvi e ouvirei outras vezes.
Abraço do amigo e admirador
Rubem


 

 

Caríssima Marisa
Quando as coisas tem que acontecer Eles arranjam uma maneira de viabilizar.

Sou espírita desde criancinha. Participo de um grupo de estudos e vivências espirituais onde editamos um jornal todas as semanas com as mensagens que são psicofonadas e psicografadas pelo grupo.

Gostaria de fazer um belo trabalho, mostrando o choro de Jacob, de Sergio e o samba de Ary Barroso. Farei uma abordagem suave e politicamente correta, sem dar margens ao ridículo. Gostaria que você me passasse um texto sobre estes aspectos do Jacob e do Sergio Bittencourt para que eu consubstancie o meu texto.

Se for o caso, submeto à sua apreciação antes de gravar o programa.
Mas desde já conte com esse canal de divulgação.
Tenho uma amiga que também trabalha na Rádio Câmara FM, que tem um programa de música independente. Vou consultá-la se ela deseja abordar a música no programa dela.
Mas desde já, está sendo um enorme prazer ter esse contato com a senhora. Vamos somar no que for possível.
Grande abraço de luz e vamos nos falando.
Ruy Godinho.

A primeira melodia que ele nos enviou ainda não está gravada ainda . Segue a letra

AVISO

Pedí ao Sérgio
Pra fazer a poesia
Desta simples melodia
Que agora vou passando
Para dizer
Não existe despedida
Que vamos de vida em vida
Uns aos outros mais amando
Ainda carrego
Comigo meu bandolim
E uma saudade sem fim
Dos amigos  que aí estão
E em cada acorde
Que  minh’alma  vai  tecendo
Vou a todos envolvendo
Tocando cada coração

Meu amigo novamente aqui vim
Quero a todos abraçar
E um aviso vou lhe dando
Sim sou eu , o Jacob do Bandolim
Aprendendo a amar
Continuo dedilhando
Aquí estou  com outro corpo presente
E lhe peço que atente
E traga bem anotado
No trabalho firme sempre
Bem o pé
Não esqueça o meu recado
Quem avisa amigo é.

Jacob do Bandolim -música
Sérgio Bittencourt -letra
Guarujá 06/10/90

 

 

Imagem: Tela Marisa Cajado

 

Livro de Visitas

Clique na clave de sol

 

 

©  Copyright 2002 e 2003  Marisa Cajado  -  Todos os direitos reservados*

*É expressamente proibida, por lei, a divulgação desta página em outro site ou qualquer outro modo de veiculação  sem a autorização expressa dos autores ou dos detentores de copyright do texto, das imagens,

dos arquivos de som, da formatação e dos demais elementos que compõem a página.

 

Direitos autorais protegidos pela lei 9.610/98.