AMAR

Amar só pode quem se se esquece.

Amar só pode quem merece.

Amar só pode quem sofreu,

Cresceu e perdoou.

Caiu e levantou.

 

 

Amar é ter serenidade.

 É sentir felicidade.

No aceitar o que há de ser.

Amar é lutar pela verdade,

 Mantendo a dignidade,

Construindo o crescer.

 

 

 Amar é o buscar da claridade

 É viver a liberdade,

 De prender-se no dever.

 Amar é espalhar fraternidade,

  Dando luz à humanidade

 Construindo o crescer.

 

 

 Amar é a fé que se agiganta

Quando o véu se levanta,

Pelo esforço do vencer.

Amar é fruir a esperança,

Na tomada de consciência

No descobrir do próprio ser.

 

 

Direitos Autorais Reservados

Marisa Cajado/Cancioneiros  do Infinito

por inspiração de Glenn Miller

 

Siga a flecha para mudar de página.

 

Imagem: Tela Marisa Cajado

Melodia Amar - Arranjo Sibélius

Livro de Visitas

Clique na clave de sol